Se os Tubarões Fossem Homens: conversa sobre Brecht, relações de poder e livro ilustrado

Sobre o encontro

[ Inscrições Encerradas ]

 

Para o dramaturgo e pensador alemão Bertolt Brecht, pensar é um dos maiores prazeres do bicho-homem. E o texto Se os Tubarões Fossem Homens nos aponta algo que teimamos esquecer: o impulso de certas pessoas em explorar outras. Com ironia e um jogo de sentidos, ele nos envolve em reflexões sobre as relações de poder e nossa organização social. Para este livro, a editora Olho de Vidro traz um projeto gráfico cuidado, ricos em textos extras e, nas ilustrações, Nelson Cruz deixa para pensarmos o lugar desta discussão em representações marcantes e uma sugestão à resistência.

 

Para este encontro, a Casa vai receber nesta tarde de domingo do dia 4 de agosto os envolvidos na produção deste objeto que encantou o país: o editor da Olho de Vidro, Marcelo Del’ Anhol; o ilustrador que deu potência visual ao livro, o mineiro Nelson Cruz; o especialista em literaturas maravilhosas, Nelson de Oliveira; a tradutora Christine Röhrig, grande “amiga” de Brecht; e a atriz Denise Fraga, que prefaciou esta edição e que nos palcos tem mostrado há anos sua admiração pelo autor.

Quem são os convidados?

Nelson Cruz nasceu em Belo Horizonte e hoje vive em Santa Luzia, também Minas Gerais. Faz ilustrações para livros desde 1988, é autor de diversos livros como Haicais Visuais, Árvores do Brasil, Alice no Telhado e já foi premiado no Jabuti, Biblioteca Nacional e Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil e APCA.

Denise Fraga é atriz e atua em teatro, televisão e cinema e já recebeu diversos prêmios. Nasceu no Rio de Janeiro mas vive em São Paulo há muitos anos. É colunista da Revista Crescer desde 2004, onde faz crônicas sobre ser mãe. Especialmente em montagens das peças A Alma Boa de Setsuan e Galileu, Denise se dedica ao estudo de Bertolt Brecht e sua obra. “Ele nos convida a pensar, a saber que somos parte de um todo, nos faz acreditar que podemos pôr a mão na massa da história da humanidade, nos dá consciência  e renova a nossa esperança de que é possível construir um mundo mais humano e mais justo”.

Christine Röhrig é de São Paulo e tem formação em jornalismo. Traduziu dezenas de textos literários e peças teatrais de autores como Irmãos Grimm, Samuel Becket, além de Brecht.

Nelson de Oliveira é escritor e coordenador de ateliês de criação literária. Dos livros que publicou destacam-se o romance Subsolo infinito e as coletâneas de contos Pequeno dicionário de percevejos e Às moscas, armas! Recentemente organizou a antologia Fractais tropicas, com os melhores contos brasileiros de ficção científica. Mantém há dezoito anos uma coluna mensal no jornal Rascunho. Venceu duas vezes o Prêmio Casa de las Américas, em 1995 e 2011.

Marcelo Del’Anhol é de Curitiba e após trabalhar 15 anos no mercado editorial criou a editora Olho de Vidro em 2017, por onde já lançou o premiado Rosa, de Odilon Moraes. Para ele, “o papel de um editor não é fazer livros apenas. O editor pode ajudar a colocar em destaque bons autores, resgatar títulos relevantes que estejam fora de catálogo, publicar livros que proporcionem reflexões importantes, sobretudo nestes tempos sombrios.” (entrevista para Gazeta do Povo).

Quando

04/08 – domingo
Conversa: às 15h
Sessão de autógrafos: às 17h

Público

Geral

Turma

50 vagas

Investimento

Gratuito
O livro estará à venda.

Outros cursos d'A Casa

[26/09] POESIA * CORPO * MEMÓRIA: encontro para educadores

[09/10] Cantar o jogo: escuta, criação e improvisação em voz

[01/10] Mediação de leitura e fruição estética Com Hanna Araújo

[22/10] Ateliê de voz: espaço para escutar, respirar e encontrar a voz própria, com Renata Gelamo

[20/09] Lançamento do livro “Vozes da Tradição”

[19/09] ENCONTRO ABERTO: POSSIBILIDADES DA NOVELA GRÁFICA, COM MARÍA LUQUE

[13/09] MAR, MAPA, MEMÓRIA: OFICINA DE POESIA E IMAGEM, COM ROSINHA

[08/10] Design é fluxo: fundamentos de teoria e prática, com Raquel Matsushita

[06/09] Apresentação musical – UMA

[26/09] MATERIALIDADE É LEITURA? com Camila Feltre e Cristiane Rogerio

[10/09] “Experiências de escuta em comum” com Helena Freire Weffort

[25/10] Infâncias: Raízes multiculturais infantis: histórias, memórias e a importância das biografias

[27/09] Infâncias: entrelaces entre mitologia, filosofia e espiritualidade

[07/10] Conto Tradicional: Viagem de Retorno ao País da Infância com Marco Haurélio – II módulo

Processos de Criação e Bordaduras com Eliane Tavelli

[02/09] CRIANDO NARRATIVAS VISUAIS: imersão Com ALINE ABREU

[30/08] À escrita: experimentos em ateliê e acompanhamento de projetos com Ângela Castelo Branco

[21/09] Sábado em Casa: Histórias à volta d’A Casa

[17/09] Gestos de Escrita

[02/08] Lançamento livro : Imagino Veneza de Julia Panadés

[21/09] Seminário: Educação e Democracia

[03/08] Bordar é um verbo destinatário

[22/07] Sessão de Narração de Histórias com Mirta Portillo

[18/07] Comemoração quatro anos d’A Casa Tombada!

[06/08] Quadros sonoros – criação musical a partir da imagem, com Tarita de Souza

[13/08] Ateliê de voz: espaço para escutar, respirar e encontrar a voz própria, com Renata Gelamo

[13/07] Encontro de Mulheres Indígenas

[19/07] Documentário “ECO – Cantos da Terra”

[15/07] A paixão pela palavra – Narrar, escrever e ler para pertencer ao mundo com Kiara Terra

[30/07] Oficina de Asalato, com Daniela Alarcon e Mauro Tanaka

[27/07] Bordado em Livro Sanfona com Priscilla Ballarin

[24/07] Materialidade e Leitura com Camila Feltre e Cristiane Rogerio

[26/07] Lançamento da 3ª Edição da Revista Linguará – C

[22/07] Oficina de Criação de Livro Ilustrado – Palavra e Imagem, Com Odilon Moraes e Carolina Moreyra

[18/09]Tramas e Fios com Ana Luísa Lacombe e Eliane Tavelli

[21/07] Palco aberto “Objetos na Performance Narrativa”

[21/07] Dom Quixote, o cavaleiro sonhador

[18/09] Tramas e Fios com Ana Luísa Lacombe e Eliane Tavelli

[15/07] As Chaves Para Contar Histórias com Ana Luísa Lacombe

[06/07] Workshop de ilustração em escultura de papel

[28/06] Show “Mensagem” de Heloisa Bonfanti

[12/09] Resolução de conflitos_Assembleias Dramatizadas e Formação de Grupo

[27/07] A arte de contar histórias na vida de todo dia

[04/06] Ateliê de Voz: espaço para escutar, respirar e encontrar a voz própria

[06/06] O papel da dimensão estética na Educação

[28/05] Vivência Circular: Potência, Poder e Punição

[05/05] Lançamento do livro “O Grande Pato”

[26/04] Uma conversa sobre poesia e pós-poesia com Carlito Azevedo

[29/04] O Objeto Livro: História e Contemporaneidade

[26/04] Sessão Cinema: “Impressão Minha”, documentário sobre publicações independentes com debate

[08/05] A paixão pela palavra – Narrar, escrever e ler para pertencer ao mundo com Kiara Terra

[20/07] II Ciclo “Objetos na Performance Narrativa”

Conto Tradicional: Viagem de Retorno ao País da Infância

[07/05] Cantar a Voz com Nani Barbosa e Renata Gelamo

[06/05] Histórias de Boca: Contos Tradicionais na Educação Infantil

Processos de Criação e Bordaduras

[05/09] Edição de livros – caminhos possíveis com Helô Beraldo

GRUPO DE ESTUDOS FILOSÓFICOS com Luiza Christov

Encontros com o Povo Verdadeiro com Angela Pappiani

Para narrar com imagens é preciso saber desenhar? Com Aline Abreu

Histórias e Culturas Afro-brasileiras e Indígenas na Educação – 2º sem/2019

Narração Artística: Caminhos para contar histórias em contexto urbano – 2ºsem/2019

O livro para a infância: processos de criação, circulação e mediação contemporâneos

Caminhada como método para a arte e educação

A vez e a voz das crianças: escutas antropológicas e poéticas das infâncias