Processos de Criação e Bordaduras

Sobre o curso

Um curso de Criação Artística e Processos Individuais onde a aventura por diferentes trajetos é permitida. Vamos pintar e bordar! Utilizando técnicas mistas, além das bordaduras, pintura do tecido com tinta aquarela e serigrafia, experimentaremos outras linguagens têxteis: tramas, urdumes, appliquès, crochê, tricô, fuxico, entre outras…

E, ainda, simultâneo ao projeto pessoal, faremos um caderno personalizado com a amostra dos pontos utilizados.

O objetivo é atender às pessoas curiosas em aprender ou em aprofundar o conhecimento sobre técnicas manuais e artísticas, rompendo paradigmas ou padrões tradicionais, explorando possibilidades diversas oferecidas por essas técnicas e pela mistura de materiais.

Para todas as idades; não é preciso conhecimento prévio.

-> para o primeiro encontro trazer tecido de algodão cru, tamanho 30cm x 50cm, tesoura pequena, linhas para bordar (diversas cores), agulhas, caneta fantasminha (apaga com o calor) e régua 30 cm.
Créditos / foto
Trabalhos das alunas:
Edméa Neiva
Luiza Hossaka
Raquel Luzeti
Matilde Florio
Ernestina Albertina
Madalena Laky
Severina Queiroz

Quem é a professora?

Eliane Tavelli é arte-educadora com graduação em Nutrição e História na USP. Atualmente é aluna especial de Artes Visuais na Unesp, ministra oficinas de Artes para Terceira Idade no Pq. da Água Branca – Espaço de Convivência do Idoso e oficinas de saberes e fazeres manuais com narrativas e memórias pessoais.

Trabalha com ilustração, encadernação artesanal, bordado contemporâneo em tecido aquarelado, patchwork à mão, patch appliquè e reciclagem (trabalhos em madeira de demolição).

Encontro na História o prazer de buscar no passado memórias e contextos valorosos e nas Artes a alegria de reavivar essas histórias de forma criativa e transformadora, possibilitando ressignificados que delineiam novos rumos, motivações e sentidos. Me empenho para realizar essa tarefa acolhendo e ao mesmo tempo quebrando paradigmas, buscando valorizar a identidade de cada ser, sua história e seu potencial de influência aonde quer que esteja.

Cresci em meio à cultura caipira, onde homens e mulheres transbordam seus conhecimentos com sabedoria e alegria, assim, fui aprendendo a tecer e a fazer “coisas” repletas de significados e importâncias. Ministrar esse curso, transmitir esses saberes, me torna mais parte de mim mesma.

Quando

Duas opções de horários:
Todas as quintas-feiras, das 19h às 22h
De 14/março a 27/junho

Todas as quintas-feiras, das 14h30 às 17h30
6, 13, 27/06 e 04/07
*o participante poderá iniciar a qualquer momento do quadrimestre, tendo opção também de encontros avulsos

Público

Para todas as idades; não é preciso conhecimento prévio

Turma

Mínimo de 5 pessoas; máximo de 10

Investimento

R$ 270,00 por mês ou
R$ 75,00 por encontro.
* material não incluso

Outros cursos d'A Casa

[28/06] Show “Mensagem” de Heloisa Bonfanti

[12/09] Resolução de conflitos_Assembleias Dramatizadas e Formação de Grupo

[27/07] A arte de contar histórias na vida de todo dia

[04/06] Ateliê de Voz: espaço para escutar, respirar e encontrar a voz própria

[30/05] O papel da dimensão estética na Educação

[28/05] Vivência Circular: Potência, Poder e Punição

[05/05] Lançamento do livro “O Grande Pato”

[26/04] Uma conversa sobre poesia e pós-poesia com Carlito Azevedo

[29/04] O Objeto Livro: História e Contemporaneidade

[26/04] Sessão Cinema: “Impressão Minha”, documentário sobre publicações independentes com debate

[08/05] A paixão pela palavra – Narrar, escrever e ler para pertencer ao mundo com Kiara Terra

[26/04] Conto Tradicional: Viagem de Retorno ao País da Infância

[07/05] Cantar a Voz com Nani Barbosa e Renata Gelamo

[06/05] Histórias de Boca: Contos Tradicionais na Educação Infantil

[05/09] Edição de livros – caminhos possíveis

Grupo de estudos Filosóficos

[25/04] Encontros com o Povo Verdadeiro

[08/03] Para narrar com imagens é preciso saber desenhar? Com Aline Abreu

Histórias e Culturas Afro-brasileiras e Indígenas na Educação – 2º sem/2019

Narração Artística: Caminhos para contar histórias em contexto urbano – 2ºsem/2019

O livro para a infância: processos de criação, circulação e mediação contemporâneos

Caminhada como método para a arte e educação

A vez e a voz das crianças: escutas antropológicas e poéticas das infâncias